• M. N. C.

Film Out

Uma balada comovente e melódica, "Film Out" é a trilha sonora principal do filme japonês "Signal: Long-Term Unsolved Case Investigation Team" (劇場版 シ グ ナ ル ル 長期 未 解決 事件 捜 査 班). O filme é um remake do drama de TV japonês "Signal" (originalmente coreano), para o qual o BTS escreveu a música tema “Don't Leave Me” em 2018.


A história continua da série de drama "Signal".

'Em 2021, um motorista de táxi limusine causa um acidente em uma rodovia e um oficial de alto escalão morre no acidente. A equipe de investigação de casos arquivados, incluindo Kento Saegusa (Kentaro Sakaguchi) e o líder da equipe Misaki Sakurai (Michiko Kichise), têm dúvidas sobre o caso.


Enquanto isso, em 2009, funcionários administrativos morrem consecutivamente em acidentes de carro. A polícia anuncia essas mortes como acidentes. Takeshi Ooyama (Kazuki Kitamura) acredita que essas mortes não foram o produto de simples acidentes. Às 23h23, um walkie-talkie liga e faz uma conexão entre o futuro e o passado. Kento Saegusa e Takeshi Ooyama enfrentam uma ameaça do bioterrorismo.'


A música "Film Out" marca a primeira colaboração do BTS com a banda japonesa de rock "back number" e Iyori Shimizu.

 

Escrito por Jungkook, UTA, Iyori Shimizu

Produzido por UTA, back number

Copyrigths BIGHIT MUSIC

Performance de BTS

 

Como todas as outras músicas japonesas do BTS, as análises estão mais no MV, no o que acontece no vídeo, a estética. Suas letras são sentimentais, melódicas e românticas.


Então teremos uma análise rápida da letra de "Film Out" e depois uma análise mais profunda do o que acontece no MV, coisas que peguei na primeira vez que vi, e depois de dar uma pesquisada e conversar com algumas pessoas, ouvir e ler teorias de outras pessoas. Todas as fontes estarão ou no final do post, ou em links anexadas no texto.


 

Olá, ARMY! Meu nome é Maria e hoje eu trago para vocês a análise da mais recente música japonesa do BTS.


[Verso 1: Jungkook e Jimin]

Você na minha imaginação

É tão vívido, oh-oh

Como se você estivesse bem aí

Mas eu estendo minha mão

E você desaparece de repente


No primeiro verso o eu lírico fala sobre alguém que ele vê em sua imaginação de forma vívida, "como se você estivesse bem aí". Nos levando a acreditar que esse alguém está sempre em sua mente. Ele vê a pessoa tão bem, tão realista, que estende sua mão querendo tocá-la, mas a pessoa "desaparece de repente".


[Refrão: Jungkook e V]

De todas as memórias armazenadas em meu coração

Eu junto todas que são sobre você e conecto todas

Olhando para elas projetados através da sala

Eu sinto você em cada explosão de dor


"De todas as memórias armazenadas em meu coração, Eu junto todas que são sobre você e conecto todas", aqui o eu lírico procura todas as memórias que são sobre o alguém que ele sente falta e conecta todas.


"Olhando para elas projetadas pelo quarto", ele pega todas essas lembranças e as projeta no ar, em seu quarto. Ele sente tanta falta do alguém, que está sempre buscando suas memórias e as "mantém no ar", em sua volta, com ele.


"E sinto você em cada explosão de dor", aqui ele nos diz que a cada memória que ele vê, que ele sente, dói. Quando amamos muito alguém e esse alguém sai da nossa vida de alguma maneira, sempre irá doer ao lembrar dessa pessoa.


[Pós-refrão: Todos]

Oh oh

La-la-la, la-la-la

La-la-la, la-la-la

La-la-la, la-la-la

Oh oh

La-la-la, la-la-la

La-la-la, la-la-la

La-la-la, la-la-la


[Verso 2: RM]

Decompondo a ponto de não absorver mais água ou luz

Selando meu coração ferido com um voto sem raízes e sem folhas

Dois copos colocados lado a lado, apenas ficam ali

Sem cumprir o seu papel, ah, assim como eles eram

Desde que você os tocou pela última vez


"Decompondo a ponto de não absorver mais água ou luz", aqui ele fala sobre sua própria decomposição, como uma metáfora de que ele não consegue fazer as coisas que fazia antigamente por causa de sua tristeza, da falta da pessoa.


"Cubro a ferida em meu coração com um juramento sem raiz ou folhas", ele cobre sua ferida, coloca algo por cima para tentar acabar um pouco com a dor.


"Dois copos colocados lado a lado, Apenas ficam ali, sem cumprir seu papel, Desde que você os tocou pela última vez", aqui ele faz referência à uma vida pacata sem a pessoa, como se tudo tivesse parado e todos parassem de "cumprir seu papel".


[Refrão: Jin e Jungkook]

De todas as memórias armazenadas em meu coração

Eu junto todas que são sobre você e conecto todas

Olhando para elas projetados através da sala

Eu sinto você em cada explosão de dor


[Verso 3: Suga, j-hope e Jungkook]

Não tem que estar certo

Só queria que você ficasse do jeito que você é

Bom coração, sempre sorrindo, mas

Se as lágrimas podem ser medidas, demorou tanto, mas

Eu mal consegui ao seu lado (mal consegui)

E te encontrei (Ooh)


"Não tem que estar certo, Só queria que você ficasse do jeito que você é, Bom coração, sempre sorrindo", aqui ele fala que gostaria que a pessoa tivesse continuado do jeito que era, bom coração e sempre sorrindo, com inocência.


[Refrão: V e Jimin]

De todas as memórias armazenadas em meu coração

Eu junto todas que são sobre você e conecto todas

Olhando para elas projetados através da sala (Oh)

Eu sinto você em cada explosão de dor


[Ponte: Jin e Jimin]

As palavras que você sussurra

Vagueia sem rumo pela sala

A fragrância, o calor que sinto

Enquanto durarem, enquanto durarem


[Outro: Jin & V]

Você na minha imaginação

É tão vívido, oh

Como se você estivesse bem aí

Mas eu estendo minha mão

E você desaparece de repente


Agora vamos fazer um estudo das cores usadas no MV. À primeira vista é percepitível que a escolha de cores não foi aleatória, a paleta de cores tem um significado muito forte nesse MV. Não sou profissional da área artística mas sempre me interessei muito, e sou apaixonada por arte de modo geral, e por ter uma tia que é da área artística então ela me ensinou muita coisa.


As vezes não é preciso entender ou pesquisar sobre cores, movimentos artísticos, para saber os seus significados, arte fala com a gente de uma forma profunda, sentimental. Sentimos sempre algo quando vemos alguma cor. Com isso irei mostrar de modo geral um significado das cores para depois levar para o MV de "Film Out", e para falar com mais propriedade eu vou usar o site rockcontent de base, um site de marketing e gestão de empresas.


"A Psicologia das Cores é um estudo que revela como o cérebro humano identifica e entende as cores de diferentes formas, influenciando em suas emoções, sentimentos e desejos. Podemos ver a atuação das cores na publicidade, arquitetura, moda, design, entre outros."

De um forma geral o significado de cada cor é:


  • Vermelho: raiva, paixão, fúria, ira, desejo, excitação, energia, velocidade, força, poder, calor, amor, agressão, perigo, fogo, sangue, guerra, violência

  • Rosa: amor, inocência, saúde, felicidade, satisfação, romantismo, charme, brincadeira, leveza, delicadeza, feminilidade

  • Amarelo: sabedoria, conhecimento, relaxamento, alegria, felicidade, otimismo, idealismo, imaginação, esperança, claridade, radiosidade, verão, desonestidade, covardia, traição, inveja, cobiça, engano, doença, perigo

  • Laranja: humor, energia, equilíbrio, calor, entusiasmo, vibração, expansão, extravagância, excessivo, flamejante

  • Verde: cura, calma, perseverança, tenacidade, autoconsciência, orgulho, imutabilidade natureza, meio ambiente, saudável, boa sorte, renovação, juventude, vigor, Primavera, generosidade, fertilidade, ciúme, inexperiência, inveja, imaturidade, destruição

  • Azul: fé, espiritualidade, contentamento, lealdade, paz, tranquilidade, calma, estabilidade, harmonia, unidade, confiança, verdade, confiança, conservadorismo, segurança, limpeza, ordem, céu, água, frio, tecnologia, depressão

  • Roxo/Violeta: erotismo, realeza, nobreza, espiritualidade, cerimônia, misterioso, transformação, sabedoria, conhecimento, iluminação, crueldade, arrogância, luto, poder, sensibilidade, intimidade

  • Marrom: materialismo, excitação, terra, casa, ar livre, confiabilidade, conforto, resistência, estabilidade, simplicidade

  • Preto: não, poder, sexualidade, sofisticação, formalidade, elegância, riqueza, mistério, medo, anonimato, infelicidade, profundidade, estilo, mal, tristeza, remorso, raiva

  • Branco: sim, proteção, amor, respeito, mesura, pureza, simplicidade, limpeza, paz, humildade, precisão, inocência, juventude, nascimento, inverno, neve, bom, esterilidade, casamento (culturas ocidentais), morte (culturas orientais), frio, clínico, estéril

  • Prata: riqueza, glamour, fascínio, diferença, natural, liso, suave, macio, elegante, tecnológico

  • Ouro: preciosidade, riqueza, extravagância, calor, riqueza, opulência, prosperidade, grandeza

As cores também podem ser estudadas levando em consideração faixa etária, sabor e temperatura.


Se formos olhar agora a paleta de cores encontrada no MV, temos as seguintes paletas:

Percebeu que agora com os cenários separados por cor é possível sentir alguma coisa quando vemos cada uma delas? E que a paleta de cores, as cores em si contam uma história, ajudam a entender e sentir o que está acontecendo na cena.


Vamos dividir as paletas de cores em números: P1 para a primeira onde vemos o BTS junto e temos tons de marrom, bege, branco, pontos de verde e um ar meio acinzentado talvez?!? P2 é o ápice do MV, onde tudo que vemos é destruído e temos cores quentes, vermelho, amarelo, laranja; P3 mostra um ar enigmático, algo meio "sonho" que queremos alcançar, e temos muito azul de vários tons, branco e o sol que é bem importante aqui nesse cenário.


P1

Sofisticação e seriedade, o marrom é muito usado em design de interiores e está bastante relacionado à natureza e segurança. Nas cenas do MV temos a sensação de algo sério acontecendo, como se estivéssemos acompanhando a cena de longe, isolados do que está acontecendo, sem estar presente na história, como o Jin, ao mesmo tempo fora da cena e dentro da cena. Isso acontece bastante no Universo BTS em que acompanhamos a história mais próximo do Jin do que dos outros meninos, como se a sensação de segurança (intensificada pela paleta de cores) é bem vista pelo cenário, onde vemos o BTS num cómodo todos juntos, conversando, felizes, protegidos.


O Jin no BU sempre foi o personagem que é responsável por resolver os problemas mas que sempre está vendo a história acontecer de longe, tendo aquele efeito da quebra da quarta parede, uma vibe meio Fleabag de olhar para camêra sabendo que está sendo filmado e conversar com o telespectador. Em "Fake Love" temos essa mesma paleta de cores num paralelo de cenário da segunda paleta de cores.

Outro paralelo é quando o Jin mostra ter conhecimento do telespectador.


P2

Cores quentes com um ar de desespero, agressividade, violência, velocidade, energia. Onde vemos o ápice do clipe. O buraco de minhoca nessa cena do MV é bem confuso, pois vemos tudo se quebrar dentro dos dois cômodos (que agora se encontra vazio somente com o Jin), depois vemos que o Jin começa a correr. Pode ser dois universos paralelos? Ou mais de dois? Provavelmente. Pois temos dois cômodos exatamente idênticos, só que opostos, e depois vemos as cenas das portas.


Quem lembra de Montros S/A e a sua teoria das portas? Cada porta levava à um lugar diferente né? Podendo até levar a épocas diferentes. Todo o Universo BTS usa e abusa de portas, e não é aleatório. Até a própria logo do grupo remete à uma porta, e eu poderia ficar o dia todo, e fazer uma postagem enorme só mostrando a utilização de portas e seus significados nos MVs e contéudos visuais do BTS.


P3

Toda a paleta de cores do terceiro cenário é baseado na tranquilidade, algo que te trás segurança e ao mesmo tempo um ar de misterioso, um cenário a ser alcançado após o desastre. Algo com o que esperar, algo bom (por isso eu disse que o sol era importante no cenário).


Não é preciso ter um conhecimento aprofundado sobre cores e arte para sentir e associar as cores com certos tipos de sensações e sentimentos quando visto em cenas com movimentos, mas eu queria falar um pouco por cima de como nesse MV a escolha de cores foi bem significativa e bem presente o que queria passar à quem assistisse.


Agora vou tentar desmembrar um pouco a teoria por trás do MV. Como eu disse anteriormente, o BTS usa e abusa de portas em seus MVs, e isso não é algo tão incomum ou absurdo porque "porta" tem um significado e, é bem usado em metáforas e filosofias. Se seguirmos a filosofia de Jung que é a mais usada no Universo BTS, tem uma passagem mostrada no MV de "Intro: Persona", que diz:

"O sonho é a pequena porta oculta no santuário mais profundo e intímo da alma, que se abre para aquela noite cósmica primordial que era alma muito antes de haver ego consciente e será alma muito além do que um ego consciente poderia alcançar."

E que coincidentemente isso é algo crucial para o Jin conseguir quebrar o loop temporal e salvar todos os meninos das tragédias vividas no Universo BTS, visto na webtoon "Save Me".


Por isso as portas não são aleatórias e somente para estética, elas significam uma passagem entre dois mundos, entre duas situações, uma porta pode significar novas oportunidades, uma nova etapa na vida. Durante o BU as portas significavam essa passagem dos meninos da adolêscencia/juventude para a vida adulta. Na cena onde vemos o Jin abrindo uma porta e encontrando várias, pode significar todas as linhas do tempo, as realidades alternativas que ele criou ao tentar salvar os meninos.

A sala onde os meninos se encontram, em que as duas são idênticas porém opostas, tal que a janela que interliga os dois cômodos não é possível ver o outro lado, podemos considerar que o cômodo onde está o Jin é a alma dele e a ampulheta é o sonho. Vou explicar melhor. A alma de acordo com Jung é o que abrange tudo que somos: ego; shadow; consciente e inconsciente, todas as nossas personas; animus; e com isso o Mapa da Alma é algo extremamente precioso para o ser humano, é o caminho para se encontrar e onde se está o que é de mais importante para o ser, e como é visto nos MVs, no webtoon e no The Notes, para o Jin suas memórias com os meninos são seus bens mais preciosos.


Por isso vemos eles do outro lado da "janela" sendo observados por Jin, e mesmo o "Jin" estando no cômodo junto com eles, como é possível ver, nunca é mostrado o rosto dele, como se ele não estivesse lá realmente.


"Você na minha imaginação

É tão vívido, oh-oh

Como se você estivesse bem aí"

E os sonhos são considerados, por Jung, mensagens enviadas pelo nosso inconsciente, servindo de ponte entre os processos conscientes e não-conscientes e mantendo o equilíbrio da mente. Por isso quando Jin pega a ampulheta, fazendo contato visual com o Jungkook, tudo se desmorona, pois acaba esse equilíbrio.


Há a quebra da quarta parede mostrando que o que estava inconsciente (os meninos no outro cômodo vivendo sem saber da presença do Jin do outro lado) agora se encontra consciente sobre o loop temporal. JK mostra, ao reconhecer a presença de Jin, que suas memórias com os meninos também são seus bens mais preciosos, algo que sabemos que é pessoal dele e também de seu personagem no BU, de acordo com The Notes.

Com tudo se quebrando, sua alma entrando em colapso, Jin tenta fugir e se encontra a beira do abismo atrás da porta, levando-o à um ato inconsciente, porém ele decide voltar ao cômodo e se reconciliar com a sua alma.


Nesse meio tempo vemos outro cenário, um deserto (já tratado em várias músicas do BTS, como representação das dificuldades vividas) com um beiral de porta, onde vemos SOPE sentados de costas um para o outro representando opostos, o ego e a shadow (suas músicas solos no álbum MOTS 7). Essa simbologia mostra a tentativa de reconciliação dentro da alma (e a paleta de cores citada acima mostra muito bem esse sentimento), algo que vemos também nas performances de "Black Swan" (porém com uma paleta de cores totalmente oposta, por ser tratar de algo mais agressivo, como se fosse uma briga).

Ao chegar novamente ao cômodo, Jin encontra somente Tae, que também faz essa quebra da quarta parede igual o JK, ao olhar para o Jin e tentar tocar-lo. Tae sempre foi o responsável por "acordar" Jin desse loop temporal, e ser a ponte entre o consciente e inconsciente, ele sempre esteve no limbo, entre as linhas do tempo, ele era o único que realmente sabia das viagens no tempo feitas por Jin. Tae e Jin sempre foram os opostos no Universo BTS. Porém quando Tae tenta tocar o Jin ele desaparece, será que Jin acorda? Ou será que ele viaja novamente?

"Mas eu estendo minha mão

E você desaparece de repente"


O que acharam? Ficou confuso? Me diz nos comentários o que acharam da análise e se vocês gostariam de acrecentar algo.

 

CURIOSIDADES


BTS para a Billboard:

"A música “Film Out” é uma faixa que escrevemos junto com o "back number", e fomos atraídos pela bela melodia quando recebemos a demo do Sr. Shimizu. Nós nos apaixonamos pela música enquanto estávamos trabalhando nela, então esperamos que todos gostem também. É uma balada com uma melodia e letra comoventes, e temos certeza de que tem o poder de tocar o coração de muitas pessoas. Por favor, aproveite nossa música junto com o filme."


;)


FONTE:

HYYH - Tumblr

Sinopse - AsiaWiki

Letra - Genius Lyrics

52 visualizações0 comentário

Posts Relacionados

Ver tudo