• M. N. C.

BLACK SWAN

Nessa música eu vi uma necessidade em fazer quatro posts separados, um para uma análise somente da letra de “Black Swan”, uma para o MV da performance da “MN Dance Company”, outra análise para falar somente da conexão da música com o filme Cisne Negro, e outra para o MV surpresa que saiu.


Black Swan” foi o primeiro single a ser lançado do álbum “Map Of The Soul: 7” e que se tornou a 7ª faixa do álbum. A música teve a inspiração da frase da Martha Graham:

“Um dançarino morre duas vezes - uma vez quando ele param de dançar, e essa primeira morte é a mais dolorosa”

Tendo um instrumental que relembra a música “Fake Love” lançada em 2018, a mensagem na música também é bem parecida, a dor de estar distante daquilo que você ama, porém enquanto que na música “Fake Love” é a dor de estar distante daquela pessoa especial, “Black Swan” é estar distante da paixão principal de um dançarino, a dança.


Na situação do BTS é perder a sua paixão pela performance, de estar no palco, estar na presença de uma audiência, ter amor pela música.



“[Intro: Jungkook]

Faça do seu jeito

Faça do seu jeito comigo agora

Faça do seu jeito

Faça do seu jeito comigo agora

Qual é o meu jeito

Qual é o meu jeito me diga agora

Diga-me agora

Yeah, yeah, yeah, yeah”


“[Verso 1: Suga]

Ayy

O coração não acelera mais

Ao ouvir a música tocar

Tentando me levantar

Parece que o tempo parou

Oh, essa seria minha primeira morte

A que eu sempre temi”


Suga começa descrevendo a primeira morte de um artista, perder a conexão com a música que antes ele achava que era impossível, vez o seu mundo todo mudar.


O coração não bate igual antes quando a música começa a tocar, parece que o tempo parou e a vida não compartilha mais dos mesmos tons. Como se a música, algo que ele sempre confiava e se apoiava; como ele descreve na música “First Love” em que ele fala do seu amor pelo piano, pela música; não tem mais o mesmo efeito nele.


[parte de “First Love”]

“Naquela época, quando eu caí em um poço do desespero

Mesmo quando eu te afastei

Mesmo quando eu me ressentia de conhecê-lo

Você estava firmemente ao meu lado

Você não precisava dizer nada

Então nunca solte minha mão

Eu não vou deixar você ir novamente

Meu nascimento e o fim da minha vida

Você vai estar lá para cuidar de tudo”


Se a música se tornar algo impessoal e desconectado, ele não poderá viver como antes, e será similar a morte.


“[Verso 2: RM]

Se isso não puder mais ressoar

Já não faz meu coração vibrar

Então, isso pode ser considerado

Como morro a minha primeira morte

Mas e se esse momento for agora

Agora mesmo”


RM repete que se a música não for mais possível ressoar e fazer seu coração vibrar, acelerar, bater; essa será a sua primeira morte como artista.


Muitos artistas passam por dificuldades, muitas vezes por momentos de falta de criatividade, dúvidas se esse é o caminho que eles deviam realmente seguir, ansiedade, estresse, fazendo com que o artista abandone a sua arte, tendo a sua primeira morte.

RM se pergunta se esse é o momento da sua primeira morte, se ele terá que abandonar a sua arte agora devido suas inseguranças e dúvidas.


“[Pré-refrão: V, Jimin]

Batimentos cardíacos pulsando lentamente em meus ouvidos

Bump, bump, bump

Tento fugir, mas volto em disparada

Jump, jump, jump

Nenhuma música me afeta mais

Chorando um grito silencioso


O coração não bate forte mais, não é possível ouvi-lo pulsando no ouvido, acelerado. Como qualquer outro artista, como qualquer ser humano, em momentos de dúvidas ou quando se perde aquilo que mais ama, se tem vontade de fugir.


BTS já teve vontade de fugir, mas sempre voltou em disparada, sempre voltou atrás, sempre voltou para a música, porém quando a música não o afetar mais, parece que seu mundo desaba.


“[Refrão: Jungkook, Jimin, V, Jin]

Oceano com toda a luz apagada silenciosa sim, sim, sim

Meus pés errantes mantiveram uma rotina sim, sim, sim

Todos os barulhos e sons foram abafados sim, sim, sim

Isso está me matando agora, me matando agora

Você me ouve? sim

Afundando lentamente como em um transe nah, nah, nah

Luto mas parece que estou no fundo do oceano nah, nah

Cada momento se torna eternidade sim, sim, sim

Filme isso agora, filme isso agora

Você me ouve? sim


Um oceano de luzes apagadas poderia estar se referindo a um show sem os fãs, sem as estrelas que iluminam os shows, sem os lightsticks. O lightstick é uma característica dos shows de idols, que iluminam os shows dando mais vida as músicas.



Poderia também estar fazendo referência à música “Sea”, que conta que sem os fãs o oceano se transforma num deserto, que sem os fãs o sucesso se torna um fracasso. Portanto um oceano com luzes apagadas poderia significar realmente um sucesso sem felicidade.


Mesmo sem o que te motiva, sem a sua paixão, eles seguem tentando, se arrastando na sua rotina como num transe. Todos os barulhos e sons não existem mais, a música não existe mais, e isso vai matando o artista.


Estar no fundo do oceano pode significar várias coisas, pela conexão com as referências anteriores feitas de “oceano e deserto”, estar no fundo do oceano seria estar no ápice do sucesso, chegar onde queria. Mas o que é encontrado no fundo do oceano? Areia.


A areia do deserto significa as dificuldades, os momentos difíceis, os fracassos, e enquanto que nas citações antigas do BTS de “oceano e deserto” se referia, preto no branco, que o oceano era o sucesso e o deserto era o fracasso. Sete anos depois, após conquistarem a indústria da música, conquistarem o sucesso, o oceano, eles perceberam que o fracasso sempre estará presente, pois um está ligado ao outro, pois o fundo do oceano é feito de areia.


[“Skit: On The Start Line”]

“Mesmo que ocasionalmente eu tenha a certeza de pensar em coisas como

"Quando eu estrear, conquistarei a indústria da música"

Sempre que ouço as críticas dos produtores e professores

Estou novamente dominado pela percepção de que eu não sou nada

Que eu sou tão inconseqüente quanto um grão de poeira

É como se diante de mim estivesse o oceano mais azul

E se eu me viro para olhar para trás

Um vasto deserto me espera ”


“[Verso 3: J-Hope]

Mais profundo

Sim, eu acho que estou indo mais fundo

Eu continuo perdendo o foco

Não, apenas me solte

Deixe meus próprios pés me guiarem

Eu vou mergulhar em mim mesmo

Nas profundezas mais profundas

Eu me encontrei”


Nessa parte da música acontece uma reviravolta, em que o artista tenta tomar controle da situação, tomar novamente o controle de si mesmo, tentar prevenir su